A Geometria do Espaço-Tempo nas proximidades de um Buraco Negro em Rotação se Comporta como um Computador Quântico

Por Fábio Matos

De acordo com o artigo teórico publicado no Annals of Physics pelo Dr. Ovidiu Racorean, que pertence à Direção Geral de Informação Tecnologica de Bucharest – Romênia, a geometria do espaço-tempo no entorno de um buraco negro em alta rotação (buraco negro de Kerr) se comporta como um computador quântico e pode codificar fótons com mensagens quânticas. 

Os fótons emitidos nas proximidades de um buraco negro em rotação codificam a informação quântica que pode ser medida pela tecnologia de informação quântica. Imagem: Scin-News.com. 

Na corrida para construir um computador quântico, os dispositivos que utilizam feixes de luz para transportar informação quântica estão entre os líderes.

Isso é devido à facilidade de usar os graus de liberdade dos fótons para codificar os bits quânticos (qubits) os quais são a unidade padrão na computação quântica.  


Aulas Particulares de Calculo, Física e Matemática”

(11) 97226-5689  Cel/WhatsApp

(11) 2243-7160  Fixo

email: fabio.ayreon@gmail.com


O termo “graus de liberdade” se refere às propriedades dos fótons que assumem valores os quais podem ser utilizados de maneira equivalente aos “zeros” e “uns” nos computadores clássicos.

“Nessa pesquisa, utilizamos a polarização e o momento angular orbital (MAO) dos fótons transportadores dos bits quânticos,” afirmou o Dr. Racorean. 

“A geometria distorcida do espaço-tempo nas proximidades dos buracos negros em rotação pode criar e manipular a informação quântica codificada nos feixes de luz que são emitidos ou que passam próximo a esses buracos negros. 

“Esse processo é similar ao que acontece em um computador quântico teórico.”

“Um processo de computação quântica consiste em fótons através de um arranjo de espelhos, espalhadores de feixe, e prismas que mudam a polarização e a fase dos fótons para valores que podem ser mapeados em 0 e 1.” 

Os fótons processados dessa maneira podem ser codificados em portas quânticas e circuitos quânticos, processo este mais ou menos similiar àqueles ocorridos nos computadores clássicos.

“A geometria do espaço-tempo próximo a um buraco negro em rotação atua de maneira idêntica a um arranjo de prismas e espelhos.” 

Significa, então, que um buraco negro em rotação escreve um código quântico, tal código poderá ser decodificado com o advento dos computadores quânticos.  

“Estamos na fronteira de uma nova era tecnológica, era esta dominada pela tecnologia quântica.” 

“De fato, devemos admitir, os computadores quânticos ajudarão a desvendar alguns mistérios do Universo.”

Fonte: Sci-News


Ovidiu Racorean. 2018. Spacetime manipulation of quantum information around rotating black holes. Annals of Physics 398: 254-264; doi: 10.1016/j.aop.2018.09.013

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *